terça-feira, 17 de janeiro de 2012

O MEU CREDO-ESPERANÇA

CREIO
Num Deus eternamente Criador,
         embora os homens queiram destruir a sua obra.
Num Deus-Pai de todos,
         embora só alguns saibam que são seus filhos.
Num Deus-Família,
         embora a família humana, feita à sua imagem,
         se vá desagregando por falta de amor.
Num Deus-Misericórdia,
         embora poucos saibam perdoar.
Num Deus-Irmão que viveu conosco
         as dores e as alegrias da vida, embora tantos rejeitem a fraternidade.
Num Deus-Pobre que fez do amor a única riqueza,
         embora muitos desperdicem este tesouro.
Num Deus-Amigo que vive no mais íntimo do nosso ser,
         embora poucos tenham descoberto esta presença misteriosa.
Num Deus-Paz, no meio da tormenta,
         embora poucos evitem a guerra e a discórdia.
Num Deus-Partilha, feito pão da nossa mesa,
         embora tantos prefiram comer s ozinhos.                   
Num Deus-Alegria em perene novidade,
         embora muitos impeçam os pobres e os pequenos de festejarem a vida.
CREIO num Deus-Pai que me quer bem e espero que um dia a humanidade acredite no amor que                este       Deus-Pai lhe tem.
                                                                                 de Maria Rita V. Perfeito

Nenhum comentário:

Postar um comentário